4 receitas para fazer um cachorro doente se sentir melhor

Quando seu cão mostra sinais de problemas digestivos, desde vômitos até diarreia, é fácil concluir que algo está muito errado. Mas, na maioria das vezes, é apenas uma dor de estômago.

Depois de consultar o veterinário para descartar quaisquer problemas maiores, é hora de preparar algumas receitas simples que proporcionem descanso ao estômago do seu cão, ao mesmo tempo que fornecem a nutrição necessária .

Essas receitas são destinadas a cães com náuseas, gases ou diarreia. Os cães submetidos à quimioterapia, que sofrem de alergias , têm diabetes, problemas renais ou de outros órgãos, ou são idosos com estômagos delicados, precisam de atenção especial em suas dietas para garantir que estão recebendo toda a nutrição de que precisam.

Criar a melhor dieta para seu cão pode ser complicado, por isso consulte sempre o seu veterinário ao mexer nos alimentos do cardápio do seu cão.

Quando seu cão está simplesmente se sentindo mal, as quatro receitas a seguir ao longo de alguns dias podem acalmar o estômago do cão, mantê-lo hidratado e ajudá-lo a se recuperar mais rapidamente da doença.

Veja também: todas receitas de alimentação natural para cães

Receita Frango e Arroz para cães doentes

Receita Frango e Arroz para cães doentes

A receita certa para um cachorro que está sofrendo de dor de estômago é o bom e velho frango com arroz. É necessária uma dieta leve, e esta receita fornece isso.

Basta colocar 1 ou 2 peitos de frango em uma assadeira com um quarto de xícara de água, tampe e leve ao forno a 200 graus por cerca de 30 minutos ou até estar cozido e facilmente desfiado. Enquanto o frango assa, coloque 1/2 xícara de arroz integral e 1 xícara de água em uma panela e leve para ferver. Cubra, reduza o fogo e deixe cozinhar por cerca de 20 minutos ou até estar cozido.

Não adicione sal ou tempero a nenhum dois itens é a chave.

Desfie o frango e misture ao arroz junto com o suco que sobrou na assadeira. Sirva ao seu cão porções muito pequenas – cerca de 1/4 de sua porção usual na hora da refeição – em vários incrementos durante o dia.

À medida que os problemas estomacais diminuem, você pode aumentar as porções um pouco de cada vez até que eles comam a porção normal.

Esta receita é uma boa opção para 2-3 dias, mas se os problemas estomacais do seu cão persistirem por mais do que alguns dias, é definitivamente hora de outra visita ao veterinário.

Receita de Purê de Abóbora e Iogurte para cães doentes

Receita de Purê de Abóbora e Iogurte para cães doentes

Para cães que têm apenas problemas estomacais leves, como fezes moles ou gases, ou para cães que não podem comer grãos, uma ótima opção é uma mistura simples de abóbora e iogurte.

Em uma tigela, misture 1/4 xícara de purê de abóbora e 2-3 colheres de sopa de iogurte puro, natural e sem aditivos. Isso dá uma refeição.

Substitua as refeições do seu cão no primeiro dia pela mistura. Ao longo dos próximos 2-3 dias, introduza lentamente mais comida regular do seu cão junto com a mistura até que ele esteja de volta aos trilhos com as refeições regulares e uma barriga feliz. Novamente, se os problemas estomacais do seu cão persistirem, leve-o para uma visita ao veterinário, pois pode ser algo mais sério.

Veja também: Receita de biscoito para cães – Espinafre cenoura e abobrinha

Receita de Sopa de galinha para cães

Receita de Sopa de galinha para cães

A canja de galinha faz maravilhas para nós, humanos, quando nos sentimos indispostos, e também pode funcionar para os cães. Esta é uma versão da receita clássica, mas com algumas guloseimas extras para adicionar mais nutrientes e líquidos para manter seu cão mais hidratado. Mais uma vez, o segredo é manter a comida branda, evite adicionar sal ou temperos.

Em uma panela de sopa, leve seis xícaras de água para ferver. Adicione 2 peitos de frango desossados ​​e reduza o fogo para ferver baixo. Deixe o frango cozinhar por cerca de 45 minutos ou até que esteja cozido e facilmente desfiado.

Retire os peitos de frango da água e reserve. Adicione 1 xícara de batata-doce picada e 1 xícara de arroz integral, tampe e cozinhe por cerca de 15 minutos ou até que o arroz esteja cozido.

Desfie o frango e coloque de volta na sopa. Desligue o fogo e deixe esfriar até a temperatura ambiente. Usando um liquidificador, bata até que a sopa fique um purê robusto.

Você pode adicionar mais água conforme necessário para garantir que mantenha uma consistência espessa, mas semelhante a uma sopa.

Esta mistura pode ser dada ao seu cão como um substituto de refeição por um ou dois dias. Em seguida, adicione lentamente a comida regular do seu cão por mais alguns dias até que ele esteja de volta aos trilhos.

Assim como nas outras receitas, se os problemas estomacais de seu cão persistirem, não deixe de visitar o veterinário.

Receita de Caldo de osso para cães doentes

Receita de Caldo de osso para cães doentes

O caldo de osso é uma coisa maravilhosa para alimentar seu cão regularmente, pois é ótimo para articulações saudáveis ​​e ajuda a desintoxicar o fígado. Mas também é ótimo dar ao seu cão quando ele se sente mal, para mantê-lo hidratado e embalar os nutrientes sem perturbar ainda mais o estômago.

Encha uma panela de com ossos de medula bovina e ossos com muitas articulações, como pernas de frango ou de peru. Cubra os ossos com água até que estejam submersos.

Adicione 2-3 colheres de sopa de vinagre de maçã ou suco de limão. Cubra e deixe cozinhar em fogo baixo por 20-24 horas.

Em seguida, remova todos os ossos, tendo o cuidado de obter todos os ossos, e descarte-os. Definitivamente, não os dê ao seu cão, pois ossos cozidos podem estilhaçar e causar danos internos.

Coloque a panela na geladeira e deixe esfriar por 2-3 horas. Com uma colher grande, retire a camada de gordura que endurece no topo. O restante do caldo gelatinoso pode ser colocado em recipientes menores para armazenamento.

Veja também: Caldo de osso para cães

Estes podem ser armazenados na geladeira por 3 dias. Sirva para o seu cão em pequenas porções para o primeiro dia. À medida que os sintomas de problemas estomacais diminuem, acrescente mais comida regular nos próximos 2-3 dias até que seu cão esteja de volta ao normal com as refeições regulares.

Você pode continuar adicionando um pouco de caldo de osso às refeições regulares do seu cão, pois é uma ótima adição saudável de qualquer maneira!

Certifique-se de conversar com seu veterinário sobre as necessidades nutricionais específicas de seu cão para chegar às melhores receitas que podem ajudar qualquer doença.

Conclusão:

Esperamos que tenham gostado das receitas, qualquer dúvida, deixe nos comentários.

Compartilhe com os papais de cachorros.

Até a próxima dica.

Um CÃObraço.


Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.

Este site usa cookies e outras tecnologias similares para lembrar e entender como você usa nosso site, analisar seu uso de nossos produtos e serviços, ajudar com nossos esforços de marketing e fornecer conteúdo de terceiros. Leia mais em Política de Cookies e Privacidade.